Rupert EQ/Comp, TC Electronic Reverb, Eventide Ultra Harmonizer e muitos mais

A qualidade de processamento foi sempre um dos pontos fortes das mesas digitais Yamaha. A ampla seleção de complementos disponíveis para o um com as racks Premium e de Efeitos das séries CL e QL, incluindo os modelos clássicos mais procurados, são características muito apreciadas destas mesas. O sistema RIVAGE PM10 inclui todos estes efeitos, perfeitamente combinados com várias novas adições, que totalizam 50 plug-ins. A potência de processamento foi substancialmente aumentada, permitindo que até 192 instâncias de plug-ins complexos, como o Portico 5033 ou Portico 5043, sejam utilizadas em simultâneo. Os plug-ins da RIVAGE PM10 não são apenas pontos chamativos. Os efeitos, cuidadosamente selecionados, podem ser uma grande ajuda no processamento criativo em aplicações de som ao vivo.

Rupert EQ 773

Rupert EQ 773 é um processador que simula a secção de equalizador presente em inúmeras mesas clássicas desenvolvidas pelo Rupert Neve durante os anos 60 e 70. Simula com precisão um EQ inigualável, adorado pelos técnicos de som em todo o mundo, e que tem sido utilizado em inúmeras gravações históricas. Com uma curva de EQ distintiva e overtones ricos, esta unidade é notável pelo forma como pequenos ajustes no ganho podem produzir alterações vívidas na expressão e na sensação de abertura do som. Até mesmo os amplos boosts de EQ não saturam o ouvido, permitindo que a componente musical da fonte continue a ser destacada.

Rupert Comp 754

Rupert Comp 754 simula outra secção de compressor/limitador construído numa gama de mesas de mistura clássicas desenvolvidas pelo Rupert Neve durante os anos 60 e 70. Este modelo está na fonte dos compressores de bus utilizados como standard em estúdios e estações de transmissão, e sobressai pelo sua compressão suave e natural, que não dilui a potência expressiva da fonte.

Rupert Comp 830

Rupert Comp 830 simula fielmente a secção de compressão presente em mesas de gravação avançadas, desenvolvidas pelo Rupert Neve durante os anos 80. Além de oferecer uma vasta gama de controlo do Attack e Release, este compressor providencia um EQ e filtro no sidechain, oferecendo uma gama extremamente vasta de possibilidades de modelação de som, para que seja possível criar qualquer som que se imagine.

Rupert EQ 810

Rupert EQ 810 é uma simulação da secção de equalização presente nas mais respeitadas mesas de gravação desenvolvidas pelo Rupert Neve durante os anos 80. Um aspeto notável deste EQ: quer seja utilizado para reforçar ou cortar, as alterações de som produzidas são eficazes e fáceis de perceber. Em contraste com o som dramático do Rupert EQ 773, o Rupert EQ 810 facilita a produção de alterações sonoras refinadas, detalhadas e suaves, ao mesmo tempo que oferece uma vasta gama de controlo. Este EQ versátil permite criar qualquer som de que se necessite.

Portico 5033

Portico 5033 é uma emulação digital de um EQ analógico de 5-bandas produzido pelo Rupert Neve Designs. O EQ do Portico 5033 inclui funcionalidades do 1073, originalmente projetado pelo Rupert Neve e já considerado um clássico, além de providenciar características distintivas de controlo de som. Os transformadores de entrada/saída, projetados pelo próprio Rupert Neve, também são modelados utilizando tecnologia VCM, o que oferece a este modelo um som altamente musical, mesmo durante o bypass.

Portico 5043

O processador Portico 5043 simula um compressor analógico produzido pelo Rupert Neve Designs, projetado como um “parceiro” para o EQ do Portico 5033. A sua maior funcionalidade é um tipo de redução de ganho alternável. Pode-se alternar entre a redução de ganho do circuito FF (Feed-Forward), que é atualmente o mainstream, e o circuito FB (Feed-Back) utilizado em compressores vintage, facilitando o acesso a diferentes estilos de som, quando necessário.

Portico 5045

Portico 5045 da Rupert Neve Designs é caracterizado pelo fácil utilização e eliminação eficaz de ruído de background em entradas de microfone, para uma melhor definição, enquanto aumenta significativamente a margem de feedback, sendo por isso uma valiosa ferramenta para som ao vivo em estádios, salas de conferência e outros ambientes onde o feedback possa ser um problema.

H3000 Live

Eventide H3000 Ultra-Harmonizer inclui excelente qualidade de efeitos, o que o torna um dos plug-ins favoritos dos engenheiros de som e músicos de todo o mundo. H3000 Live oferece a mesma performance otimizada para aplicações de som ao vivo. Este poderoso processador providencia pitch shift, delay, reverb, modulação, filtro e outros módulos que podem ser combinados, quando necessário, com um algoritmo avançado que oferece um som geral notavelmente orgânico. Predefinições cuidadosamente pensadas facilitam o alcance de efeitos complexos, adicionando harmonização rica aos chorus e vozes, criando grandes sons de guitarra com harmónicos luxuosos, ou dando delay e reverb de grande qualidade.

VSS4HD

VSS4HD é um reverb simulador de sala desenvolvido pelo TC Electronic, que cria reverberação musical com uma vasta quantidade de reflexões simuladas. A localização do som original pode ser especificada para criar um campo de som mais preciso e realista, em comparação com o simples panning.

NonLin2

NonLin2 é um processador de reverb da TC Electronic que permite aos utilizadores ajustar o envelope. Inclui ambiente vocal, som de bateria, reverb inverso e um efeito “twist”.

Dynamic EQ

Dynamic EQ providencia um filtro através do qual a mesma banda de frequência do EQ é alimentada para um sidechain, variando dinamicamente o ganho de EQ em resposta a alterações de nível da entrada de sinal. O efeito é semelhante à aplicação de um compressor ou expansor para uma banda de frequência específica. Por exemplo, o Dynamic EQ pode ser utilizado enquanto de-esser vocal, aplicando EQ unicamente na banda de frequência sibilante, quando a sibilância se torna intrusiva, para se obter um som natural que não deteriora o carácter da fonte.

Dynamic EQ4

Dynamic EQ4 é um equalizador dinâmico de 2-bandas que foi expandido para incluir 4 bandas. As bandas extra providenciam uma maior capacidade de modelação de som, e uma função KEY IN para seleção de fonte permite novas aplicações. Por exemplo, se o Dynamic EQ for aplicado na guitarra e o microfone de voz estiver selecionado enquanto fonte KEY in, os médios da guitarra podem ser reduzidos automaticamente assim que as vozes entrarem na mistura, dando mais espaço e destaque às vozes.

EQ-1A

EQ-1A simula um EQ passivo e passivo que é considerado um verdadeiro clássico. Inclui um estilo de operação distinto, com boost controlável e atenuação para regiões de frequência baixas e altas. A resposta de frequência é distinta de equalizadores típicos, oferecendo a este modelo uma característica sónica única e atraente. O circuito de entrada/saída e as válvulas de vácuo também contribuem para o carácter musical bem-equilibrado.

Equalizer601

Equalizer601 simula as características de um equalizador analógico dos anos 70. Pode criar uma sensação de drive ao reproduzir uma distorção distinta de circuito analógico.

OPENDECK

OPENDECK simula a compressão de fita criada por dois tipos de open reel tape recorder (um deck de gravação e um deck de reprodução). Pode-se personalizar a qualidade do som ao ajustar parâmetros como o tipo de deck, qualidade de tape, velocidade de reprodução, e muito mais.

U76

U76 é um processador que simula um compressor vintage standard utilizado numa vasta gama de situações. Em vez de providenciar um parâmetro de threshold típico, o efeito do compressor é determinado ao ajustar o balanço entre o ganho de entrada e o ganho de saída. Definir o parâmetro RATIO para “All Mode” produz um som de compressão extremamente poderoso, uma característica bem-conhecida deste modelo. Overtones ricos produzem um carácter sonoro agressivo.

Comp276

Comp276 simula as características de um compressor analógico muito procurado e que geralmente é utilizado em estúdios de gravação. Produz um som sólido e denso, adequado para baterias ou baixos.

Opt-2A

Opt-2A simula um aclamado compressor ótico em válvula de vácuo. O nível é controlado através de componentes óticos, uma célula CdS e painel EL, para produzir compressão suave e sonoridade orgânica. Os fantásticos overtones de alta frequência e a distorção quente criada pelo circuito de válvula de vácuo cria um som elegante e sofisticado.

MBC4

Este compressor de quatro-bandas, de alta qualidade, utiliza tecnologia VCM e inclui uma GUI que oferece excelente operacionalidade e visibilidade. Todas as vantagens do comportamento musical dos compressores analógicos foram introduzidas no circuito de redução de ganho do MBC4, permitindo controlo suave de dinâmicas e preservação da imagem geral do som original. A imagem sonora também pode ser manipulada através de visualização gráfica.

Buss Comp 369

Buss Comp 369 simula um compressor bus standard que tem sido utilizado em estúdios de gravação e estações de transmissão desde os anos 80. Produz compressão suave e natural que não interfere com nuances de sinal de fonte, em contraste com a compressão agressiva do U76. Buss Comp 369 inclui um compressor e um limitador que podem ser utilizados individualmente ou em combinação. Os overtones ricos gerados pelo entrada áudio, transformadores de saída e circuito discreto de class-A também estão modelados, adicionando profundidade e unidade ao som.

REV-X

REV-X é um algoritmo de reverb que providencia qualidade de som de alta-densidade, com reverberação rica e decay suave, assim como dispersão e profundidade que trabalham em conjunto para melhorar o som original. Escolhe um de três programas e combina com o ambiente e intenção criativa: REV-X Hall, REV-X Room e REV-X Plate.

Analog Delay

Este efeito de delay é baseado no delay analógico Yamaha E1010 lançado nos anos 70, mas com alguns aperfeiçoamentos, para maior fiabilidade em aplicações modernas. Proporciona um som de eco profundo e orgânico, característica dos dispositivos de delay analógico BBD utilizados no E1010 original. A modulação pode ser adicionada para se criar um som de um refrão forte. E, levando a versatilidade ao próximo nível, é possível selecionar sons BBD que não estavam disponíveis no E1010 original, possibilitando a utilização de carácteres que variam entre definidos e precisos até sonoridades quentes.

Dual Phaser

Dual Phaser reproduz uma unidade de efeito phaser vintage fabricada durante os anos 70. Dois phasers, dois LFOs e quatro modos selecionáveis providenciam uma vasta gama de variação de efeitos.

Max100

Max100 reproduz um efeito phaser clássico que apareceu na segunda metade dos anos 70 – e continua a ser popular na atualidade. Com apenas quatro modos e um knob de velocidade, produz sons phase distintos.

Vintage Phaser

Vintage Phaser providencia um nível elevado de flexibilidade modeladora de som sem ser uma simulação de nenhum modelo especifico. Com 4/6/8/10/12/16 stages e dois modos distintos, pode funcionar como vários tipos de phaser. O Vintage Phaser providencia velocidade, frequência central, profundidade, feedback e definições de cor para controlo de efeitos detalhado.