Sérgio Carolino

Biography

Sérgio Carolino

Tubista Português e Artista Yamaha, Sérgio Carolino é um dos tubistas mais aclamados no panorama internacional, estando em constante actividade tanto como solista e professor nos mais diversos festivais de música, conservatórios e universidades um pouco por todo o Mundo - (Espanha, França, Suíça, Finlândia, Bélgica, Holanda, Eslováquia, Alemanha, República Checa, Hungria, Inglaterra, Áustria, Austrália, EUA, Noruega) e brevemente a Tailândia, Brasil, Japão e o Peru.

O seu primeiro disco a solo em nome próprio de nome "Steel aLive!", recebeu em 2008 o 'Roger Bobo Award Prize for Excellence in Recording', organizado pela International Tuba-Euphonium Assotiation (ITEA) e entregue na Universidade de Cincinnati, nos EUA. Recebeu também o prémio de Músico Revelação de Jazz 2004 em Portugal, pelo crítico de jazz José Duarte para além de ter ganho o Prémio Carlos Paredes pelo 1º disco do trio TGB "TubaGuitarra&Bateria", editado pela editora portuguesa, Clean Feed.

O seu vasto leque de interesses e a sua curiosidade musical leva-o por diferentes caminhos de expressão musical, desde o típico repertório clássico ao mais puro jazz e música improvisada. Estabeleceu-se como um virtuoso no repertório standard e contemporâneo para tuba.

Desde 2002, está envolvido em novos e inovadores projectos musicais: os 'TGB' com Mário Delgado e Alex Frazão, '2tUBAS&friends' com Anne Jelle Visser (tuba), 'Trio XL' com Telmo Marques (piano) e Jeffery Davis (vibrafone/marimba), o ensemble português de tubas 'How Low Can You Go?', 'European Tuba Trio' com François Thuillier (tuba) e Anthony Caillet (eufónio), 'The Postcard Brass Band', 'TUBIC' com a companhia SA Marionetas, os 'The Low Frequency Tuba Band' com Marcus Rojas, Jay Rozen e Oren Marshall (tubas), ‘TUBAX’ com Mário Marques (saxofone), 'Tu B'Horn' com José Bernardo Silva (trompa), ‘Tuba 'n Saxe’s Company!’, ‘Mr SC & The Wild Bones Gang’ e mais recentemente, o grupo de Hip-hop, Funky e Drum&Bass - 'Funky Bones Factory'.

Actualmente, Carolino é professor de tuba e música de câmara na Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo (ESMAE) do Instituto Politécnico do Porto (IPP) e, desde 2002, tuba solo da Orquestra Nacional do Porto.