Miguel Costa é Artista Yamaha

Para nós sempre já era da família há algum tempo, agora Miguel é oficialmente Artista Yamaha.

Com uma abordagem à música invulgarmente completa, na forma como relaciona os aspetos estilísticos, Miguel Costa é um dos Clarinetistas mais versáteis da sua geração. Apresentou-se nas maiores salas do país em concertos de orquestra, a solo, teatro musical, projetos pedagógicos e sociais. É professor de Clarinete da Escola Profissional Metropolitana assim como do Conservatório Metropolitana e Academia de Música de Almada, sendo ainda amplamente requisitado para várias masterclasses em todo o país. Integra a Orquestra de Câmara Portuguesa e o Ensemble MPMP desde a sua criação, colabora regularmente com a Orquestra Sinfónica Portuguesa TNSC, Orquestra Clássica do Sul, Lisbon Film Orchestra e Ensemble XX/XXI.

Do ponto visto artístico tem vindo a trabalhar ainda no projeto que criou “Krone” (clarinete e Acordéon), que conta com a estreia mundial de novo repertório do compositor Lino Guerreiro. Em 2020, em plena pandemia Covid-19 lança a marca “by Miguel Costa” com a finalidade de promover uma formação musical diferenciada.

Sobre os clarinetes que o Miguel está utilizar, diz: “Neste momento toco com os modelos YCL-CSGIII e YCL-CSGAIII que na minha opinião são clarinetes com uma afinação muito equilibrada, têm características físicas, nomeadamente no tubo, que lhe dá muita ressonância, característica essa que vai ao encontro da forma como toco e no tipo de som que procuro. Ainda no que diz respeito ao som dos instrumentos identifico características que aprecio já que é muito focado, quente e fluido. Estas características confere-lhes uma sonoridade única que se funde na perfeição com a de outros instrumentos. Considero que os instrumentos têm registos equilibrados e precisos o que os torna versáteis e sem limites sonoros. Sinto que são instrumentos de fácil resposta e que oferecem muito conforto quando tocados.”

“Acredito que todos os professores me acrescentaram algo de muito positivo e é óbvio que acabo por transmitir aos meus alunos as "heranças" que considero positivas. Um exemplo de algo que transformou a minha forma de tocar foi conhecer e contextualizar a obra e o compositor e, portanto, estímulo os meus alunos a fazê-lo também. “

Miguel Costa, bem vindo à Família de Artistas da Yamaha.

Produtos Relacionados

YCL-CSGIII/CSG-AIII

Custom Bb/A Clarinets.

Siga-nos nas nossas redes sociais